Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

LONDRES, 9 Out (Reuters) – O dólar operava próximo do seu
nível mais alto em dez semanas frente a uma cesta de moedas
nesta segunda-feira, com os dados salariais sólidos dos Estados
Unidos na semana passada dando aos investidores confiança de que
o Federal Reserve, banco central do país, vai elevar os juros em
dezembro.
Às 10:54 (horário de Brasília), índice do dólar ante a cesta
recuava 0,04 por cento, a 93,758, após bater o nível mais
alto desde julho, de 94,267.
O dólar atingiu a máxima de 14 anos no início de 2017, mas
passou a maior parte deste ano perdendo força, pois dados
econômicos fracos e dúvidas sobre a capacidade do presidente dos
EUA, Donald Trump, de aprovar as reformas tributárias
pressionaram a moeda.
Mas os sinais de que os planos da reforma podem estar de
volta aos trilhos e o aumento das apostas de que o Fed elevará
os juros em dezembro fizeram o dólar avançar cerca de 3 por
cento ante a cesta de moedas recentemente.
"Os dados salariais de sexta-feira foram promissores, mas o
relatório foi tão distorcido, não tenho certeza se os
investidores podem se prender muito a ele", disse a estrategista
da câmbio do Commerzbank, Esther Reichelt.
"Eu não acho que o mercado está olhando para além da reunião
de dezembro… Acho que ficaremos nesses níveis por enquanto",
acrescentou.
(Por Jemima Kelly)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF PD


Assuntos desta notícia