Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Saikat Chatterjee
LONDRES, 31 Jan (Reuters) – O dólar recuava nesta
quarta-feira ante uma cesta de moedas, a caminho da maior queda
mensal em quase dois anos depois que o primeiro discurso do
Estado da União do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump,
falhou em confortar os altistas da moeda.
Contra uma cesta de moedas , o dólar recuava 0,22 por
cento, a 88,963, às 9h07 (horário de Brasília), levando as
perdas a 3,5 por cento em janeiro, maior queda mensal desde
março de 2016.
Trump pediu ao Congresso dos EUA que aprove legislação para
garantir no mínimo 1,5 trilhão de dólares em novos gastos com
infraestrutura e pediu a parlamentares que trabalhem em direção
a acordos bipartidários, mas adotou uma linha dura sobre
imigração.
A nova rodada de fraqueza da moeda norte-americana acontece
após um período de consolidação nesta semana uma vez que os
mercados financeiro esperam que o Federal Reserve, banco central
norte-americano, adote uma postura mais confiante em relação ao
cenário sobre a economia, mas deixe a política monetária
inalterada.
"Ainda estamos vendo uma rodada ampla de fraqueza e isso
pode também ser por causa de uma insinuação de aversão ao risco
nos mercados", disse a estrategista de câmbio do Commerzbank,
Esther Reichelt.
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO CV


Assuntos desta notícia