Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Leigh Thomas
PARIS, 30 Jan (Reuters) – A economia da França encerrou 2017
com o desempenho mais forte em seis anos uma vez que a expansão
no quarto trimestre foi impulsionada pelo investimento
empresarial e pelas exportações, de acordo com dados divulgados
nesta terça-feira.
O Produto Interno Bruto da França cresceu 0,6 por cento
entre outubro e dezembro na comparação com o trimestre anterior,
quando a expansão foi de 0,5 por cento, informou a agência de
estatísticas INSEE.
A leitura, que ficou em linha com as expectativas de
economistas, significa que em 2017 como um todo a economia
cresceu 1,9 por cento, registrando o melhor ano desde 2011.
O ministro das Finanças, Bruno Le Maire, citou o aumento da
confiança do consumo e das empresas desde a eleição do
presidente Emmanuel Macron em maio, e as reformas adotadas desde
então.
"De acordo com os últimos indicadores, essa tendência deve
permanecer em 2018", disse Le Maire em comunicado.
No quarto trimestre, o crescimento dos gastos dos
consumidores desacelerou a 0,3 por cento sobre os três meses
anteriores, mas os investimentos empresariais ajudaram a
compensar com uma expansão de 1,5 por cento.
No geral, a demanda doméstica contribuiu com 0,5 ponto
percentual para o crescimento no trimestre, enquanto a redução
de estoques pelas empresas subtraiu 0,5 ponto.
O comércio exterior contribuiu com 0,6 ponto percentual para
a expansão do PIB graças ao aumento mais forte das exportações
desde o segundo trimestre de 2010.
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO


Assuntos desta notícia