Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 17 Mai (Reuters) – A estatal paranaense
Copel apresentará ao Conselho de Administração na
próxima reunião do colegiado, em junho, um plano para
desinvestimentos de ativos não estratégicos, para o qual a
empresa deve fechar nas próximas semanas a contratação de
assessores legais e financeiros, disse o diretor financeiro da
empresa, Adriano de Moura, em teleconferência nesta
quinta-feira.
O presidente da unidade de geração e transmissão, Copel GT,
Sérgio Lamy, disse que a companhia deverá adicionar 500 milhões
de reais à geração de caixa a partir de 2019, devido à entrada
de operação de projetos atualmente em andamento, como as
hidrelétricas de Colíder e Baixo Iguaçu.

(Por Luciano Costa; edição de Roberto Samora)
(([email protected]; 5511 5644 7519;
Reuters Messaging: [email protected]
– Twitter: @AnaliseEnergia))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation