Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

CHICAGO, 22 Nov (Reuters) – A empresa global do agronegócio
Bunge melhorou o pacote de compensação financeira para
importantes executivos no caso de uma compra da empresa, segundo
documentos da companhia, cerca de seis meses após recusar uma
aproximação da trading de commodities Glencore .
A Bunge e suas rivais viram os lucros caírem, uma vez que
diversos anos de excedente nos mercados globais de grãos
reduziram as margens de negociação que tradings conseguem com a
compra e venda de milho, soja e trigo.
A empresa disse que as condições econômicas no setor
poderiam desencadear consolidação.
A Glencore e a Bunge selaram um acordo que impede
temporariamente a Glencore de fazer uma oferta hostil, após a
Bunge rejeitar a aproximação da Glencore em maio, segundo
reportagens.
A Bunge aumentou de um para cinco o número de executivos que
estão elegíveis para compensação financeira se perderem seus
empregos sem motivo dentro de dois anos após a tomada de
controle, mostram documentos regulatórios publicados neste mês.
Os pacotes correspondem a dois anos de salário e bônus,
entre outros benefícios, segundo os documentos.
Até então, o presidente-executivo Soren Schroder era o único
executivo apto para uma determinada compensação caso fosse
demitido sem motivo após uma mudança do controle da companhia,
segundo os documentos.
(Por Tom Polansek)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS LM RS


Assuntos desta notícia