Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 23 Nov (Reuters) – A Braskem vê uma
tendência de consolidação no mercado petroquímico e considera
oportunidades de aquisição, mesmo fora do foco estratégico de
Américas e Europa, disse nesta quinta-feira o presidente da
companhia, Fernando Musa.
"Os resultados da Braskem têm sido muito positivos, nossa
alavancagem está em patamar muito saudável, temos desejo de
manter abaixo de 2,5 vezes, mas podemos passar disso
momentaneamente para fazer aquisição", afirmou Musa em encontro
com investidores, em São Paulo.
Ele ressaltou, contudo, que transações do tipo são complexas
e que há no momento conversas concretas em andamento. "O desafio
do crescimento não orgânico é encontrar alguém disposto a vender
ao preço que queremos, quando queremos e da forma que queremos",
comentou.
Questionado sobre o interesse da Lyondellbasel em adquirir
participação na Braskem, Musa disse que a petroquímica não foi
abordada diretamente pelo grupo holandês. "Eles têm um portfólio
de produtos muito parecido com o nosso, é uma empresa muito
maior que a Braskem, eu entendo o porquê do rumor", disse,
ressaltando que a venda da companhia depende dos acionistas –
Petrobras e Odebrecht ODBES.UL .

(Por Gabriela Mello; Edição de Raquel Stenzel)
(([email protected]; +55 11 56447719; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia