Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

BRASÍLIA, 31 Jan (Reuters) – O setor público consolidado
brasileiro encerrou 2017 com déficit primário de 110,583 bilhões
de reais, ou 1,69 por cento do Produto Interno Bruto (PIB),
quarto rombo anual seguido nas contas públicas, mas bem melhor
que a meta oficial de 163,1 bilhões de reais, divulgou o Banco
Central nesta terça-feira.
Só em dezembro, o déficit primário foi de 32,321 bilhões de
reais, melhor que o rombo de 35,4 bilhões de reais estimado em
pesquisa Reuters.
No ano passado, a dívida bruta subiu 4 pontos percentuais,
para 74 por cento do PIB. Já a dívida líquida cresceu 5,4
pontos, para 51,6 por cento do PIB, ante expectativa de
analistas de que ficaria em 51,8 por cento em dezembro.

(Por Marcela Ayres; Edição de Patrícia Duarte)
(([email protected]; 5561-3426-7021; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia