Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

SÃO PAULO, 2 Mai (Reuters) – O governo brasileiro negou
nesta quarta-feira ter havido um acordo com os Estados Unidos
sobre a imposição de sobretaxas nas importações norte-americanas
de aço e alumínio e lamentou a decisão unilateral de Washington
de criar cotas de exportação ao país.
Segundo comunicado divulgado à imprensa pelos ministérios da
Indústria, Comércio Exterior e Serviços e das Relações
Exteriores, os EUA interromperam negociações com o Brasil em 26
de abril, impondo como alternativa o pagamento de sobretaxas ou
a limitação das exportações a quotas.
"Não houve ou haverá participação do governo ou do setor
produtivo brasileiros no desenho e implementação de eventuais
restrições às exportações brasileiras", afirmaram os ministérios
no comunicado, acrescentando que o Brasil "mantém a expectativa
de que os EUA não prossigam com a aplicação de restrições" e que
"seguirá disposto a adotar, nos âmbitos bilateral e
multilateral, todas as ações necessárias para preservar seus
direitos e interesses".

(Por Alberto Alerigi Jr.
Edição de Raquel Stenzel)
(([email protected]; 5511-5644-7753; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia