Clicky

MetaTrader 728×90

BRASÍLIA, 16 Mai (Reuters) – O Banco Central manteve nesta
quarta-feira a taxa básica de juros em 6,50 por cento ao ano,
contrariando amplas expectativas de corte de 0,25 ponto
percentual, justificando que o cenário externo tornou-se mais
desafiador e apresentou volatilidade.
"A evolução dos riscos, em grande parte associados à
normalização das taxas de juros em algumas economias avançadas,
produziu ajustes nos mercados financeiros internacionais",
afirmou o BC em comunicado, em meio ao movimento que levou à
forte valorização do dólar nas últimas semanas.
Quarenta de 42 economistas consultados pela Reuters
esperavam corte de 0,25 ponto na Selic, ao passo que apenas dois
previam manutenção do patamar de 6,5 por cento ao ano.

O BC também reduziu sua projeção de inflação a 3,6 por cento
em 2018, ante 3,8 por cento em seu último cálculo, pelo cenário
de mercado. Para 2019, a conta também caiu a 3,9 por cento,
contra 4,1 por cento antes.
No cenário com juros e câmbio constantes, por outro lado,
as projeções de inflação situam-se em torno de 4 por cento em
ambos os anos.

MetaTrader 300×250

(Por Marcela Ayres; Edição de Patrícia Duarte)
(([email protected]; 5561-3426-7021; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia

Join the Conversation