Clicky

MetaTrader 728×90

BRASÍLIA, 17 Mai (Reuters) – O Banco Central divulgou
nesta quinta-feira que definiu procedimentos operacionais
relativos às regras de portabilidade salarial, delegando às
instituições que irão receber os recursos transferidos a
responsabilidade de checar informações.
"A instituição financeira ou instituição de pagamento que
irá receber os recursos transferidos da conta-salário precisará,
além de obter manifestação da vontade do cliente, confirmar e
garantir a sua identidade, a legitimidade da solicitação, bem
como a autenticidade das informações exigidas", afirmou o BC em
nota, acrescentando que a medida entrará em vigor em julho.
O governo já havia aprovado em fevereiro mudanças para
tornar a portabilidade salarial mais fácil, permitindo que o
pedido pudesse ser feito diretamente na instituição onde o
empregado tinha interesse em ser cliente. Antes, a portabilidade
só podia ser apresentada à instituição contratada pelo
empregador para depósito do salário.
O BC defendeu à época que a mudança era importante para
fomentar a competição entre os bancos.

(Por Marcela Ayres; Edição de Iuri Dantas)
(([email protected]; 5561-3426-7021; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation