Clicky

MetaTrader 728×90

CIDADE DO MÉXICO, 12 Abr (Reuters) – O Banco Central do
México manteve sua taxa de juros de referência inalterada nesta
quinta-feira, como eperado, citando a inflação mais baixa e
riscos menores para os preços ao consumidor, e sinalizou que sua
postura atual está em linha com esforços para trazer a inflação
de volta à meta.
O conselho do Banco do México votou de forma unânime para
manter sua principal taxa de juros estável a 7,50
por cento, como previsto por 18 dos 21 analistas ouvidos pela
Reuters na semana passada.
No comunicado, o banco disse que sua posição de política
monetária atual está em linha com a ancoragem das expectativas
de inflação e em trazer os preços de volta à meta de 3 por
cento.
O banco disse que manteve os juros inalterados devido à
"evolução recente da inflação, como também ao fato de que a
evolução e perspectivas de suas principais determinantes e
projeções não mostram mudanças significativas".
Ele também notou que a probabilidade de negociações para
atualizar o Acordo de Livre Comércio da América do Norte "foi
reduzida recentemente".
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7723))
ID CV


Assuntos desta notícia

Join the Conversation