Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

(Texto atualizado com mais informações)
SÃO PAULO, 13 Mar (Reuters) – O ministro da Fazenda,
Henrique Meirelles, afirmou nesta terça-feira que está
realizando uma série de pesquisas e avaliações para definir se
concorrerá à Presidência da República nas eleições deste ano, e
que muitos dados indicam que este é o momento.
"Eu estou fazendo toda uma série de avaliações para saber se
é o momento para essa candidatura. E existem muitos dados que
indicam que sim, que é o que brasileiro espera no momento, uma
carreira de integridade, de ética, de trabalho realizado", disse
ele, reiterando que tomará sua decisão até o início de abril.
Em entrevista à rádio Som Maior FM, de Criciúma (SC),
Meirelles explicou que as pesquisas buscam ter mais informações
sobre o que de fato o brasileiro espera do novo presidente.
Questionado se o desgaste do governo Michel Temer seria
prejudicial a uma eventual candidatura sua, Meirelles citou a
recuperação econômica como um trunfo.
"Acreditamos que não, por várias razões. A primeira delas é
porque acho que a economia brasileira…vai se recuperando, e
cada vez mais a população brasileira vai entender isso, e vai
entender quem são os responsáveis por isso", afirmou.
O ministro voltou a esboçar uma plataforma que tem como
pilar as reformas, e explicou que só escolherá o partido pelo
qual concorreria quando decidir sobre a candidatura.
"A grande maioria (dos eleitores) está esperando um
candidato que incorpore toda essa visão, esse programa de
reformas, de modernização da economia. E que tenha um foco no
trabalho de recuperação do emprego, da renda, da qualidade de
ensino, das melhores relações trabalhistas, da segurança",
afirmou.
Meirelles turbinou sua exposição na mídia nos últimos três
meses, com entrevistas exclusivas a veículos de comunicação e
foco basicamente em emissoras de TV e rádios regionais,
coincidindo com o trabalho que tem feito para tentar se cacifar
como pré-candidato à Presidência da República.

(Por Camila Moreira
Edição de Raquel Stenzel)
(([email protected]; 55 11 5644-7729; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia