Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

(Texto atualizado com mais informações)
RIGA, 14 Jun (Reuters) – O Banco Central Europeu (BCE)
decidiu nesta quinta-feira encerrar o programa de compra de
títulos de 2,55 trilhões de euros no final do ano e informou que
os juros permaneceriam inalteradas até o terceiro trimestre de
2019.
Entre outubro e dezembro, o BCE planeja comprar 15 bilhões
de euros em títulos por mês e fechar o esquema no final do ano.
"O Conselho do BCE espera que a taxa de juros permaneça nos
níveis atuais pelo menos até ao verão de 2019 e durante o tempo
necessário para garantir que a evolução da inflação se mantenha
alinhada com as expectativas atuais de trajetória de ajuste
sustentado", disse o BCE em um comunicado.
Isso está de acordo com as expectativas dos investidores.
O BCE já injetou mais de 2 trilhões de euros comprando
títulos desde 2015 e manteve sua taxa de depósito abaixo de
zero, efetivamente cobrando dos bancos pelo seu dinheiro ocioso,
por quatro anos em uma tentativa de estimular a inflação.
O economista-chefe do BCE, Peter Praet, disse na semana
passada que os dados econômicos estavam deixando a autoridade
monetária mais confiante de que a inflação convergiria para a
meta de pouco menos de 2 por cento.
A atenção agora se volta para a entrevista coletiva do
presidente do BCE, Mario Draghi, na qual ele provavelmente dará
mais indícios sobre a mudança de política do banco e revelará
novas previsões econômicas.
Com a decisão desta manhã, a taxa do BCE sobre os depósitos
bancários, que atualmente é sua principal ferramenta de taxa de
juros, permanece em -0,40 por cento, e é vista subindo até 10
pontos básicos em meados de 2019.
A taxa de refinanciamento, que determina o custo do crédito
na economia, permaneceu inalterada em zero, enquanto a taxa de
empréstimo overnight para bancos permanece em 0,25 por cento.
(Por Francesco Canepa e Balazs Koranyi)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447509))
REUTERS TH PD


Assuntos desta notícia

Join the Conversation