Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

BRASÍLIA, 23 Nov (Reuters) – A Agência Nacional de
Telecomunicações (Anatel) aprovou nesta quinta-feira cronograma
de implementação de bloqueio de celulares irregulares, que tem
como objetivo tirar da rede novos acessos por meio de telefones
não certificados, adulterados ou clonados.
O piloto do sistema de bloqueio será iniciado no Distrito
Federal e em Goiás, onde a partir de 22 de fevereiro do ano que
vem começam a ser enviadas mensagens aos usuários de aparelhos
irregulares. O bloqueio em Goiás e no DF começará pouco depois,
a partir de 9 de maio. A Anatel ressalta que o bloqueio não
afetará celulares que já estão em operação, mas apenas os novos
acessos.
Nos Estados de São Paulo, Acre, Rondônia, Tocantins, na
região Sul e nos demais Estados da região Centro-Oeste, as
mensagens serão enviadas a partir de 23 de setembro de 2018 e o
bloqueio começa em 8 de dezembro de 2018.
No Nordeste e nos demais Estados das regiões Norte e
Sudeste, as mensagens começam a ser enviadas a partir de 7 de
janeiro de 2019 e o bloqueio começa em 24 de março de 2019.

(Por Leonardo Goy, edição Alberto Alerigi Jr.)
(([email protected]; 5511-5644-7753; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia