Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

LONDRES, 6 Dez (Reuters) – O dólar tinha leve queda contra
uma cesta de moedas em uma sessão calma nesta quarta-feira, uma
vez que as preocupações com uma possível paralização do governo
dos Estados Unidos ofuscavam o otimismo sobre o progresso da
legislação da reforma tributária.
Analistas disseram que não deve haver grandes movimentos no
dólar até pelo menos o relatório de emprego dos EUA na
sexta-feira, e talvez até a reunião de política monetária do
Federal Reserva, banco central do país, na próxima semana.
Às 08:21 (horário de Brasília), o dólar recuava 0,06 por
cento contra a cesta de moedas , a 93,323, enquanto contra
a moeda japonesa tinha queda de 0,44 por cento, a 112,08
ienes, após atingir a mínima de cinco dias de 111,99 ienes.
A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, controlada pelos
republicanos, votou na segunda-feira para ir a conferência com o
Senado para iniciar as negociações formais sobre o projeto de
reforma tributária. A expectativa é de que o Senado realize uma
votação semelhante nesta semana –um acontecimento visto como
positivo pelos mercados.
Mas há pressão pela possibilidade de uma paralização do
governo se concretizar, se os legisladores não conseguirem
chegar a um acordo de orçamento nesta semana. O teto da dívida
do governo expira nesta sexta-feira.
"Como sabemos, em geral eles (o Congresso dos EUA) encontram
uma solução, mesmo que seja uma solução no último dia", afirmou
a estrategista de câmbio do Commerzbank Esther Reichelt.
"Mas… em geral a turbulência política pressiona o dólar e
é uma das razões pelas quais o euro está acima do nível de 1,18
dólar no momento."
O euro operava com variação positiva de 0,04 por
cento, a 1,1829 dólar.
(Por Jemima Kelly)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF CMO


Assuntos desta notícia

Join the Conversation