Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

LONDRES, 15 Set (Reuters) – O dólar avançava contra o iene
nesta sexta-feira, na medida em que os operadores se recuperavam
rapidamente da notícia do último míssil disparado contra o Japão
pela Coreia do Norte, após uma queda inicial no apetite por
risco nos mercados de câmbio.
A Coreia do Norte disparou um míssil nesta sexta-feira que
voou sobre a ilha do norte do Japão, Hokkaido, para o Oceano
Pacífico, disseram autoridades sul-coreanas e japonesas,
aumentando as tensões após o recente teste de Pyongyang com uma
poderosa bomba nuclear.
Às 08:23 (horário de Brasília), o dólar avançava 0,89
por cento, a 111,17 ienes, caminhando para a melhor semana desde
novembro contra a moeda japonesa.
"Os mercados estavam –ou deveriam estar– esperando algum
tipo de resposta da Coreia do Norte após o aperto das sanções,
então era uma questão de quando a Coreia do Norte responderia ao
invés de se eles responderiam", disse o estrategista da RBC
Capital Markets Adam Cole.
O dólar também era apoiado pelos dados de inflação aos
consumidores dos Estados Unidos, que reforçaram as expectativas
de que o Federal Reserve, banco central do país, pode elevar os
juros novamente no final do ano, disse o estrategista de câmbio
do Brown Brothers Harriman Masashi Murata.
"As expectativas de alta de juros nos EUA aumentaram em
comparação com o nível observado em setembro, elevando os
rendimentos dos Treasuries e acho que isso está apoiando o dólar
ante o iene", afirmou.
(Por Jemima Kelly)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF CV


Assuntos desta notícia

Join the Conversation