Clicky

MetaTrader 728×90

PORTO ALEGRE (Reuters) – Os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) concordaram, por unanimidade, em rejeitar preliminares apresentadas pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de outros réus no julgamento do recurso a que respondem pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo do apartamento tríplex do Guarujá, no litoral de São Paulo.

O desembargador Victor Luiz dos Santos Laus deu o terceiro voto pela rejeição das preliminares, questões anteriores ao mérito do processo, mas que poderiam anulá-lo, seguindo os votos do relator João Pedro Gebran Neto e do revisor Leandro Paulsen.

MetaTrader 300×250

Laus agora dá seu voto pelo mérito do processo, que, no momento já tem 2 votos a favor da manutenção da condenação do petista feita pelo juiz Sérgio Moro na primeira instância.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)
OLBRTOPNEWS Reuters Brazil Online Report Top News 20180124T192734+0000


Assuntos desta notícia