Clicky

MetaTrader 728×90

Os índices de peso em Wall Street ficaram no vermelho nesta quarta-feira, com a temporada de balanços dividida. Resultados de algumas gigantes, como a Apple, estão decepcionando. Apenas o Dow Jones conseguiu manter o ganho.

Ao final, Dow Jones ficou em alta de 0,17% aos 18.199 pontos; o S&P perdeu 0,17% aos 2.139 pontos; e Nasdaq recuou 0,63% aos 5.250 pontos.

MetaTrader 300×250

A Apple Inc. registrou seu primeiro declínio receita anual em 15 anos. Para seu quarto trimestre fiscal, encerrado em 24 de setembro, a Apple anunciou seu terceiro declínio consecutivo em receita e lucro. O lucro líquido caiu 19% para US $ 9 bilhões, ou US $ 1,67 por ação, de US $ 11,1 bilhões, ou US $ 1,96 por ação, no mesmo período do ano passado. A receita caiu 9%, para US $ 46,9 bilhões, antes do lançamento do iPhone 7, que foi colocado à venda uma semana antes do final do trimestre.

O iPhone foi responsável por 63% da receita da Apple no ano fiscal recém-concluído, mas o crescimento no mercado de smartphones tem diminuído recentemente e hábitos de compra do consumidor estão mudando. No quarto trimestre, a Apple disse que vendeu 45,5 milhões de iPhones, 2,5 milhões a menos do que um ano antes.

A campanha presidencial, com as votações iniciadas em alguns distritos dos Estados Unidos, já está levantando a cautela entre os negociadores.

Sobre os indicadores, os estoques de varejo subiram 0,3% contra os 0,6% na última leitura. Os estoques no atacado aumentaram 0,2% ante o 0,1% de setembro. Os estoques do varejo para setembro aumentaram 0,3%. No mês anterior o indicador marcou 0,6%.

Fora os veículos, os estoques aumentaram 0,1% ante os 0,3% na última leitura. Os estoques mais altos são positivos para o PIB em geral, mas o ganho é ainda modesto.

O avançado PIB dos Estados Unidos para o terceiro trimestre, conforme estimativas de economistas, está centrado em torno de 2,5%. Os dados são do Census.

Os dados de outubro apontam para uma melhoria acentuada no ritmo de crescimento em todo o setor de serviços os Estados Unidos, conforme o Markit Economics.

A atividade de negócios e novos negócios expandiram no ritmo mais rápido em 11 meses. A mais recente pesquisa também revelou uma recuperação da confiança para as perspectivas de negócio para o final do ano, com prestadores de serviços relatando o otimismo mais forte desde agosto de 2015.

As pressões de custos de entrada, entretanto, subiram a partir de uma baixa de 19 meses registrada em setembro, o que contribuiu para o aumento dos preços cobrados pelas empresas do setor de serviços em outubro.

O flash do PMI para a Atividade de Serviços está em 54,8, ante os 52,3 de setembro, com ajuste sazonal, alta robusta. A leitura mais recente foi a mais alta desde novembro de 2015 e contrasta com os padrões de crescimento moderados no terceiro trimestre de 2016 (índice de 51,5, em média).

As vendas de casas nos Estados Unidos, a uma taxa anual ajustada sazonalmente, ficaram em 593 mil, conforme o Departamento de Comércio informou nesta quarta-feira. O indicador ficou em 3,1% superior aos números de agosto, 609 mil. As vendas em setembro subiram 29,8%, em comparação com um ano atrás.

 


Assuntos desta notícia