Clicky

MetaTrader 728×90

A Bolsa de Nova York manteve a queda nesta segunda-feira, com os preços do petróleo recuando e também dos metais. Indicadores de peso serão apresentados também essa semana nos Estados Unidos.

Na outra ponta, as dúvidas sobre a atuação do Federal Reserve, que realiza um encontro essa semana com a presença de sua presidente Janet Yellen, em Jackson Hole, Wyoming.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

O mercado seguiu analisando também a fala do vice-presidente do Fed, Stanley Fischer, que sinalizou um aumento da taxa esse ano ainda está sob consideração, ecoando comentários hawkish do presidente do Fed de Nova York, William Dudley.

Ao final, Dow Jones recuou 0,12% aos 18.529 pontos; o S&P caiu 0,06% aos 2.182 pontos; e a Nasdaq subiu 0,12% aos 5.244 pontos. A onça do ouro em queda de 0,24% aos US$1.341,00.

Já o barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta segunda-feira em forte baixa de 3,03%, cotado a US$ 47,05, interrompendo assim uma sequência de altas registradas na semana passada. Essas informações são da Agência Efe.

As cotações caíram depois da divulgação dos planos da China de incentivar a exportação de petróleo refinado, assim como um novo crescimento das reservas do produto nas refinarias dos Estados Unidos pela oitava semana consecutiva.

O WTI, petróleo de referência no país, tinha atingido seu nível de preços mais alto em mais de um mês na última sexta-feira, motivado pelas especulações sobre uma restrição de produção entre os membros da Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep).

No entanto, as notícias vindas da China e dos próprios EUA prometem jogar os preços para baixo nos mercados internacionais.


Assuntos desta notícia