Clicky

BOM DIA INVESTIDOR: Retomada pós feriado

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

O mercado local retoma após feriado da independência no meio de semana. No exterior, na sessão de ontem, bolsas europeias em alta e EUA com comportamento misto. O petróleo é que teve bom desempenho, por conta de queda nos estoques de petróleo americano na semana anterior.

Hoje, mercados da Ásia em alta (exceto Tóquio com -0,32%) e Europa aguardando decisão do BCE sobre política monetária. Nesse aspecto, o BCE optou por manter a política atual, o que significa dizer taxa de refinanciamento zero e taxa de depósito negativa em 0,40%. Além disso, mantiveram a compra de ativos em cerca de 80 bilhões de euros mês. Os investidores esperavam algumas pequenas alterações que não vieram, mas Mário Draghi (Presidente do BCE) acenou com a mesma posição de mudar, caso necessário, e acha a política adequada para o momento, prevendo crescimento lento, porém constante da região.

MetaTrader 300×250

No Japão, o PIB do segundo trimestre foi revisado em boa alta para 0,7%, quando o anterior era de 0,2%. Na China, superávit comercial em agosto de US$ 52,0 bilhões (menor que o previsto), mas com exportações caindo menos que o previsto (-2,8%). As importações de petróleo e minério de ferro cresceram no período. O governo chinês reforçou que fará política proativa para expandir a economia.

Na sequência dos mercados no exterior, o petróleo WTI negociado em NY mostrava alta de 1,56%, com o barril coatado a US$ 46,21. O euro era transacionado em alta para US$ 1,1293 e os notes americanos de 10 anos com taxa de juros em alta para 1,58%. O ouro e a prata mostravam altas na Comex e commodities agrícolas majoritariamente em alta.

No segmento local, a FGV anunciou que o IGP-DI de agosto subiu para 0,43% (anterior em -0,39%), mas acumula elevação em 2016 de 6,07% e em 12 meses de 11,27%. Anunciou que o IPC-S da primeira quadrissemana de setembro subiu para 0,34% (anterior em 0,32%). Do lado político, o governo definiu que vai encaminhar a reforma da Previdência antes mesmo das eleições municipais.

No mercado, os DIs começaram o dia com queda de juros para todos os vencimento e o dólar em queda forte no exterior, cai também forte internamente com -1,33% e cotado a R$ 3,169.

A Bovespa mostra sinalização de baixa de 0,25% para o índice futuro, mas tem que ajustar um pouco Petrobras para alta do óleo no mercado internacional e venda de ativo na área de gasoduto no valor de US$ 5,9 bilhões, a maior venda dos últimos meses.

Bom dia e bons negócios.


Assuntos desta notícia