Clicky

MetaTrader 728×90

Na Ásia, mercados de ações subiram pelo terceiro pregão consecutivo, liderados pelo recorde alcançado pela bolsa japonesa em seu primeiro dia de negócios no ano. Os investidores também observaram o desempenho de Wall Street, que fechou em terreno positivo.

Ao final, o índice regional de ações MSCI Asia Pacific teve valorização de 1,2%, no dia de hoje. O índice Asia Dow ficou em alta de 0,98% aos 3.739. O Hang Seng, Hong Kong, ficou em alta de 0,57% aos 30.736. O Xangai Composite ficou em alta de 0,49% aos 3.385. O índice Kospi, Coreia do Sul, ficou em queda de 0,80% aos 2.466 pontos. O índice FTSE Straits, Singapura, ficou em alta de 1,06% aos 3.501. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 0,52% aos 33.969. O índice futuros XJO, da bolsa de valores de Sidney, ficou em alta de 0,11% aos 6.077. O índice Nikkei, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 3,26% a 23.506.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Motivada por indicadores confirmando a retomada do crescimento econômico, a bolsa de Tóquio subiu 3,26%, levando o índice Nikkei a superar os 23 mil pontos pela primeira vez desde 1992. O dólar era negociado a 112,63 ienes, pouco acima da cotação de 112,46 ienes do fim da tarde de ontem.

A atividade no setor de serviços da China expandiu-se a um ritmo mais acelerado em dezembro, a última indicação de força no setor após dados oficiais divulgados na semana passada.

O índice de Gerente de Compras de Serviços da Caixin China aumentou acentuadamente para 53,9 em dezembro, de 51,9 em novembro, conforme a pesquisa Caixin Media Co. e Markit. O resultado foi o mais alto desde agosto de 2014.

Uma leitura acima de 50 indica uma expansão na atividade do mês anterior, enquanto um nível abaixo que aponta para uma contração.

O PMI oficial não fabricação da China, que inclui o setor de construção, subiu para 55,0 em dezembro, de 54,8 em novembro, informou a Departamento Nacional de Estatísticas na semana passada.


Assuntos desta notícia