Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 15 Fev (Reuters) – As taxas da maioria dos
contratos futuros de juros recuavam nesta quinta-feira,
acompanhando o recuo do dólar ante o real e após a ata do Comitê
de Política Monetária (Copom) do Banco Central reforçar que o
atual ciclo de afrouxamento monetário deve se encerrar no mês
que vem.
"O BC está mais confiante tanto na recuperação da atividade
doméstica quanto da internacional… Essa recuperação externa
mais vigorosa é um dos pontos de risco para o BC", afirmou o
economista-sênior do Banco Haitong, Flávio Serrano.
Segundo a ata, a piora no cenário internacional e a retomada
mais consistente da atividade são fatores que contribuem para o
fim do ciclo de queda da taxa básica de juros, e repetiu que a
porta não está totalmente fechada para nova redução no próximo
mês, a depender de mudanças na evolução do cenário básico e do
balanço de riscos.
Na semana passada, o BC desacelerou o passo e cortou a
Selic em 0,25 ponto percentual, à nova mínima recorde de 6,75
por cento ao ano, e sinalizou o fim do ciclo de afrouxamento na
Selic devido à melhor recuperação da atividade econômica no
país.
Assim, a curva a termo de juros seguia precificando cerca de
30 por cento de chances de corte da Selic em março, próxima
reunião do Copom, com o restante indicando manutenção, segundo
operadores. Era o mesmo cenário da véspera.
O mercado também continuava de olho na reforma da
Previdência e a falta de apoio político para aprová-la no
Congresso Nacional até o fim deste mês, como quer o governo.
"Sem reformas, o BC para de cortar juros", trouxe a gestora
Infinity em comentário sobre a ata do Copom.
Nesta sessão, o dólar operava em baixa e mais perto de 3,20
reais, em sintonia com o cenário externo, o que tende a retirar
pressão inflacionária.
Veja as taxas dos principais contratos de DIs às 9:57:
mês ticker último fechamento variação
(%) anterior (p.p.)
(%)
APR8 6,619 6,622 -0,003
JAN9 6,655 6,69 -0,035
JAN0 7,82 7,89 -0,07
JAN21 8,73 8,76 -0,03
JAN23 9,54 9,54 0

(Edição de Patrícia Duarte)
(([email protected]; 55 11 5644 7723; Reuters
Messaging: [email protected];))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation