Clicky

mm TD 728

O Ibovespa opera em alta nesta quinta-feira, com os investidores ainda digerindo os acontecimentos de ontem no cenário político interno. Pesam ainda no comportamento de hoje, a recuperação nos preços das commodities, o segundo dia de depoimentos da presidente do Federal Reserve, Janet Yellen, aos congressistas norte-americanos sobre a política monetária e a votação sobre a denúncia contra o presidente Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na Câmara Federal.

Há pouco, o Ibovespa estava em alta de 0,36% aos 65.084 pontos. O volume financeiro seguia para R$2 bilhões. O IEE estava em alta de 0,2%.

As ações com ganhos
JBS ON, alta de 7,58%; Localiza ON, alta de 2,77%/ Ecorodovias ON, alta de 2,61%; CCR ON, alta de 2,55%; e Estacio Part. ON, alta de 1,68%.

As ações com perdas
Siderúrgica Nacional ON, queda de 1,89%; Gerdau Met. PN, queda de 1,10%; e Gerdau PN, queda de 1,36%.

A Petrobras ON devolvia 0,66% e a PN, também em queda de 0,54%.

A Vale ON estava em queda de 1,81% e a PN, queda de 1,64%.

Carteira Teórica

A Carteira Teórica, que passou a vigorar de 02 de maio a 01 de setembro no Ibovespa, mostra os cinco ativos com maior peso no índice: Itauunibanco PN (11,453%), Bradesco PN (8,244%), Ambev S/A ON (7,299%), Petrobras PN (5,331%) e Vale PNA (4,727%).

Empresas

A Cemig (CMIG4) começa tratativas para alienação da Light (LIGT3). A Cemig anunciou o início das reuniões com potenciais investidores no processo de venda do total de sua participação no capital social da Light. No início da semana, o diretor financeiro da estatal mineira, Adézio Lima, declarou que ao menos 12 grupos confirmaram interesse no negócio. A Cemig (CMIG4) começa tratativas para alienação da Light (LIGT3). A Cemig anunciou o início das reuniões com potenciais investidores no processo de venda do total de sua participação no capital social da Light. No início da semana, o diretor financeiro da estatal mineira, Adézio Lima, declarou que ao menos 12 grupos confirmaram interesse no negócio.

A Itaúsa (ITSA3) fecha compra da Alpargatas (ALPA4). Itaúsa, Brasil Warrant e Cambuhy fecharam acordo com a J&F pela sua participação na Alpargatas. O valor total da transação é R$ 3,5 bilhões, sendo que a Itaúsa irá desembolsar R$ 1,75 bilhão, por 50% da participação da J&F, que corresponde a 27,12% do capital total da Alpargatas, por meio de dívida a ser contratada. Já a Brazil Warrant e a Cambuhy ficarão com outros 27,12% do capital da Alpargatas. O acordo precificou as ONs em R$ 14,25 e as PNs em R$ 11,40. Esta operação ainda depende de aprovação do CADE.

A Cemig (CMIG4) começa tratativas da Light (LIGT3) no processo de venda do total de sua participação no capital social. No início da semana, o diretor financeiro da estatal mineira, Adézio Lima, declarou que ao menos 12 grupos confirmaram interesse no negócio.

Commodities

O contrato futuro do petróleo tipo WTI para entrega em agosto é negociado a US$ 45,68 o barril, com alta de 0,42%, no momento.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, fechou em alta de 2,90% a US$65,91 a tonelada seca e com 62% de pureza.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation