Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

SÃO PAULO, 17 Mai (Reuters) – O dólar não conseguiu
sustentar a queda da abertura, em resposta à manutenção da Selic
em 6,50 por cento ao ano definida na véspera pelo Banco Central,
e terminou mais uma sessão, a quinta seguida, com valorização e
na casa de 3,70 reais, o maior nível em mais de dois anos.
O dólar avançou 0,62 por cento, a 3,7012 reais na
venda, maior nível desde os 3,7391 reais de 16 de março de 2016.
Foi o quinto pregão em alta, período no qual acumulou elevação
de 4,39 por cento.
Na máxima do dia, a moeda norte-americana foi a 3,7141
reais, ajudada por um movimento de stop loss. O dólar futuro
tinha alta de cerca de 0,70 por cento.

(Por Claudia Violante; Edição de Iuri Dantas)
(([email protected]; 55 11 5644 7723; Reuters
Messaging: [email protected];))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation