Clicky

MetaTrader 728×90

A Bovespa opera em alta nesta terça-feira, com os negociadores ajustando posições e cumprindo metas estabelecidas para 2016. Mesmo com o índice flertando os 59 mil pontos, o patamar projetado pelos analistas está um pouco distante, entre os 62 e 65 mil pontos.

Há pouco, o Ibovespa estava em alta de 0,28% aos 58.785 pontos. O giro financeiro seguia para R$1 bilhão.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Entre as ações em alta no Ibovespa estavam as da Siderúrgica Nacional ON, alta de 4,63%; Natura ON, alta de 3,35%; Gerdau Metalúrgica PN, alta de 2,81%; Usiminas PNA, alta de 3,25%.

Na contramão no índice estavam as da Sabesp ON, queda de 1,14%; Qualicorp ON, queda de 1,38%; Cielo ON, queda de 1,18%; BBSeguridade ON, queda de 1,21%; Kroton ON, queda de 0,45%; e Cemig PN, queda de 0,81%.

A Petrobras ON estava em alta de 0,24% e a PN, alta de 0,21%. A Vale ON estava em alta de 0,38% e a PN, alta de 1,27%.

Empresas

A Cemig (CMIG4) emitirá debêntures. A Cemig anunciou a emissão de até R$ 2.260 milhões em debêntures simples, não conversíveis em ações e com prazo de cinco anos. Esses recursos devem ser destinados para pagamento de dívidas vincendas ainda nesse ano e para recomposição de caixa em função do pagamento de dívidas da emissora. A taxa de remuneração dessas debêntures ainda não foi divulgada, porém tendo em vista sua elevada alavancagem, o custo de rolagem tende a ser superior ao visto até então (a última captação anunciada pela companhia já possuía taxa relativamente alta, de 132,9% do CDI).

CPFL Renováveis (CPFE3) aprova emissão de debêntures. A companhia irá realizar a 5ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, em série única, no montante de R$ 100 milhões. O prazo de vencimento será de sete anos e os recursos oriundos da captação serão direcionados para realização de investimentos da companhia e suas controladas.

JCP da DASA (DASA3). O conselho de administração da companhia aprovou a distribuição de juros sobre o capital próprio (JCP) no montante de R$ 25,0 milhões, aproximadamente R$ 0,08 bruto por ação e correspondente a um yield de 0,4%. Os acionistas posicionados ao fim do pregão de 29/dez/16 terão direito aos proventos, as ações ficam ex-JCP a partir da próxima segunda-feira (02/jan/17) e o pagamento ocorrerá no dia 31/jan/2017.

Fibria (FIBR3) anuncia mais um aumento em celulose. Ao longo do pregão de ontem, a maior fabricante de celulose do mundo a Fibria anunciou um reajuste de US$ 20 por tonelada para a celulose de eucalipto vendida na Ásia, com isso os preços chegaram a US$ 570 a tonelada.

Carteira teórica

Na carteira teórica, que vigora entre 05 de setembro de 2016 a 29 de dezembro de 2016, estão os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do Ibovespa estão Itauunibanco PN (10,594%), Ambev S/A ON (8,588%), Bradesco PN (7,955%), Petrobras PN (5,523%) e Petrobras ON (4,268%).

Commodities

O barril de petróleo Brent para entrega em fevereiro abriu nesta terça-feira em leve baixa no mercado de futuros de Londres, cotado a US$ 55,10, variação de 0,11% em relação ao fechamento da sexta-feira.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao fechou alta de 1,64% aos US$79,42 a tonelada seca.

 

 


Assuntos desta notícia