Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

As bolsas da Europa recuaram nesta terça-feira, com as ações das empresas de energia perdendo força com os preços do petróleo derretendo nos mercados internacionais, os piores resultados em nove meses.

Ao final da jornada, o índice Stoxx Europe 600 ficou em queda de 0,70% aos 389.21, em Londres; o FTSE-MIB (Milão) ficou em queda de 0,97% aos 20.810; o Ibex 35 (Madri) ficou em queda de 0,95% aos 10.746; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em queda de 0,58% aos 12.814; o FTSE-100 (Londres) ficou em queda de 0,68% aos 7.472; o CAC 40 (Paris) de 0,13% aos 5.317 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em queda de 0,61% aos 5.298.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Os preços do petróleo recuaram depois que a Líbia aumentou o volume de bombeamento e derrubando a commoditie para menos de US$43,00 o barril. As ações das mineradoras e energia fecharam nos níveis mais baixos desde novembro.

O petróleo Brent, referência, para a liquidação de agosto caiu US$ 1,12 para US $ 45,79 o barril nas negociações na Bolsa de Futuros Europeia, com sede em Londres. O WTI, referência global, era negociado em um prêmio de US$ 2,56 para agosto.

No Reino Unido, a libra afundou com o presidente do Banco Central da Inglaterra, Mark Carney, dizendo que ainda está preocupado com o impacto da Brexit na economia local. O banco manteve inalterada a taxa de juros.

As empresas de alimentos e bebidas subiram 0,5%, as únicas que fecharam em terreno positivo e mantiveram o quarto dia de ganhos.


Assuntos desta notícia