Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Julien Ponthus
LONDRES, 10 Jan (Reuters) – Os principais índices acionários
europeus fecharam em queda nesta quarta-feira, com a maioria dos
setores no vermelho – exceção para o setor bancário, sensível à
taxa de juros- diante de preocupações sobre a direção do mercado
de títulos.
O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,32 por cento, a
1.568 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600
perdeu 0,38 por cento, a 399 pontos.
Os retornos dos títulos globais atingiram picos de muitos
meses após oficiais da China recomendarem a diminuição ou
interrupção das compras de papéis do governo norte-americano.
O retorno do Treasuries de 10 anos registraram a
máxima em 10 meses, enquanto o rendimento do título de 10 anos
da Alemanha também atingiu o nível mais alto desde a reunião de
outubro do Banco Central Europeu, quando as autoridades
anunciaram pela primeira vez a prorrogação de seu esquema de
compra de títulos.
Os setores de farmacêuticos, serviços públicos e consumo
caíram, já que a alta nos rendimentos dos títulos reduzia a
atratividade de seus dividendos estáveis. Os produtores de aço
registraram as maiores quedas entre os recuros básicos .
Os bancos avançaram 2,1 pro cento para seu nível
mais elevado em mais de dois anos, uma vez que taxas de juros
mais altas geram mais receita e lucro para eles.
RBS avançou 4,6 por cento, Commerzbank e
Intesa Sanpaolo estiveram entre os maiores ganhos do
setor, com avanço de mais de 4 por cento.
O índice FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,32
por cento, a 1.568 pontos.
Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,23
por cento, a 7.748 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,78 por cento, a
13.281 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,35 por cento, a
5.504 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de
0,66 por cento, a 23.157 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,02
por cento, a 10.428 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,07 por
cento, a 5.657 pontos.

(Reportagem de Julien Ponthus)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO CV

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia