Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

LONDRES, 7 Dez (Reuters) – Os mercados acionários europeus
subiram nesta quinta-feira, com a recuperação das financeiras e
do setor de tecnologia, mas pressionados pela forte queda do
varejista de móveis Steinhoff em meio a um escândalo contábil.
O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,01 por cento, a
1.520 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600
ganhou 0,02 por cento, a 386 pontos.
As ações de tecnologia subiram 0,2 por cento,
enquanto os setores financeiro, industrial e de saúde também
tiveram alta.
O estrategista de ações do Natixis Sylvain Goyon afirmou que
as recentes vendas nos papéis de tecnologia não foram provocadas
por uma mudança de fundamentos no setor, e não é provável que
sejam duradouras.
"Os principais motores da indústria ainda existe", disse
ele.
Ele explicou que vários investidores apenas decidiram, com o
final do ano, embolsar algum lucro das ações de tecnologia, que
tiveram desempenho superior no mercado. Eles reinvestiram em
papéis do setor mais baratos, que devem se beneficiar do plano
de cortes de impostos nos Estados Unidos.
Já as ações da Steinhoff despencaram 45 por cento,
ampliando as perdas de mais de 60 por cento na sessão anterior,
depois que a varejista sul-africano de móveis revelou
"irregularidades contábeis" e seu diretor-executivo se demitiu.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,01
por cento, a 1.520 pontos.
Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,37 por
cento, a 7.320 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,36 por cento, a
13.045 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,18 por cento, a
5.383 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de
0,68 por cento, a 22.459 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,77
por cento, a 10.262 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,20 por
cento, a 5.391 pontos.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

(Por Julien Ponthus)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS CMO CV


Assuntos desta notícia

Join the Conversation