Clicky

MetaTrader 728×90

XANGAI, 8 Jan (Reuters) – Os principais índices acionários
da China fecharam na máxima em seis semanas nesta segunda-feira,
avançando pela sétima sessão seguida diante dos fortes ganhos em
empresas imobiliárias uma vez que as principais construtoras
divulgaram vendas excepcionais em 2017.
O índice CSI300 , que reúne as maiores companhias
listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,52 por cento, enquanto
o índice de Xangai teve alta de 0,54 por cento.
O subíndice do setor financeiro avançou 0,47 por
cento, o de consumo ganhou 1,12 por cento, o imobiliário subiu
3,33 por cento e o de saúde ganhou 0,58 por cento.
No restante da região os mercados também avançaram
acompanhando Wall Street, depois que as ações norte-americanas
registraram o melhor início de ano em mais de uma década, com o
crescimento econômico acelerado e a inflação benigna sendo uma
potente mistura para o apetite por risco.
Às 7:08 (horário de Brasília) o índice MSCI ,
que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão,
tinha alta de 0,34 por cento, após avançar 3,1 por cento na
semana, seu desempenho mais forte em seis meses.
. Em TÓQUIO, o índice Nikkei não teve operação.
. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,28 por
cento, a 30.899 pontos.
. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,54 por cento, a
3.410 pontos.
. O índice CSI300 , que reúne as maiores companhias
listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,52 por cento, a 4.160
pontos.
. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,63
por cento, a 2.513 pontos.
. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,33
por cento, a 10.915 pontos.
. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se
0,59 por cento, a 3.510 pontos.
. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,13 por
cento, a 6.130 pontos.
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO


Assuntos desta notícia