Clicky

BOA NOITE INVESTIDOR: Mercados realizam lucros

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Podemos encarar o dia para a Bovespa como de realização de lucros de curto prazo, porém, com absorção razoável pelos recursos que ingressaram. Também ajudou o minério de ferro em alta e expectativa com relação ao balanço da Vale do terceiro trimestre. O petróleo em queda no mercado internacional não afetou muito Petrobras, por conta de acertos em processos nos EUA e nova gestão proativa da companhia.

A pesquisa semanal Focus do Bacen mostrou desaceleração da inflação em 2016 para 6,89% (anterior em 7,01%) e 2017 indo para 5,00%. O PIB é que encolheu em 2016 para 3,22% (anterior em -3,19%), encolhendo em 2017 para 1,23%. A produção industrial de 2016 e 2017 ficaram estáveis em respectivamente -6,0% e +1,11%. O dólar de final do ano foi projetado em R$ 3,20 e o saldo da balança comercial encolheu para US$ 48,06 bilhões.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

A FGV anunciou que o IPC-S da terceira semana de outubro acelerou para 0,24% e a confiança da indústria de outubro caiu 1,3 ponto para 86,9 pontos com taxa de utilização da capacidade caindo para 74,1%. O saldo da balança comercial até a terceira semana de outubro estava em US$ 1,87 bilhão, acumulando superávit em 2016 de US$ 38,05 bilhões.

No plano político, o ex-ministro Palocci e Marcelo Odebrecht foram denunciados pela PF por corrupção, e a PF identifica Lula com codinome “amigo” que teria recebido R$ 8,0 milhões. Na sequência dos mercados, os DIs tiveram dia de queda de juros para todos os vencimentos e o dólar encerrou em queda de 1,33%, cotado a R$ 3,117. Na Bovespa, na sessão de 20 de outubro, os investidores estrangeiros voltaram a alocar recursos no montante de R$ 46 milhões, deixando o saldo de outubro positivo em R$ 3,15 bilhões e o ano com ingresso líquido de R$ 16,19 bilhões.

No cenário externo, selecionamos declarações de James Bullard (Saint Louis) que apoia alta dos juros em novembro, mas acrescenta que devem permanecer excepcionalmente baixos. Já Charles Evans (Chicago), relaciona alta dos juros com progresso da inflação, vê PIB acelerando em relação ao primeiro semestre lento e melhora modesta dos salários. O índice nacional de atividade do FED de Chicago de setembro mostrou alta para -0,14 pontos.

Na China, as importações de petróleo de setembro mostraram o maior volume registrado, aproveitando para formar estoque quando os preços estavam mais fracos. Na sequência dos mercados no exterior, o petróleo WTI negociado em NY mostrava queda de 1,00%, com o barril cotado a US$ 50,34. O euro era transacionado em queda para US$ 1,0876 e os notes americanos de 10 anos voltavam a subir juros para 1,77%, depois das declarações dos presidentes regionais. O ouro operou em queda na Comex e a prata com alta e commodities agrícolas com comportamento misto. O minério de ferro no mercado spot chinês teve mais um dia de alta de 0,5%, com a tonelada em US$ 58,70.

No mercado acionário, dia de queda da bolsa de Londres de 0,38%, Paris com +0,43% e Frankfurt com +0,56%. Madri e Milão com altas de respectivamente 1,39% e 0,75%. No mercado americano, o Dow Jones com alta de 0,43% e Nasdaq com +1,00%. Na Bovespa, queda modesta de 0.08%, com o índice em 64059 pontos e destaque positivo para Vale com alta de 2,84%.

Na agenda de amanhã, teremos logo cedo a ata da ultima reunião do Copom que reduziu a Selic para 14,0% e a nota do setor externo de setembro. Nos EUA, os preços de imóveis Case-Shiller de agosto a confiança do consumidor do Conference Board de outubro e, o índice de atividade de Richmond.

Até amanhã.


Assuntos desta notícia