Clicky

B3 fecha em -2,49% com destaques negativos para Petrobras e Itaú

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

A fase é exatamente de muita volatilidade nos mercados de risco em todo o mundo. Não falamos somente do mercado acionário, mas também de commodities e moedas. Hoje foi dia de dólar forte, principalmente depois de Trump sinalizar que pode sair do Nafta e partir para acordos bilaterais com o México e com o Canadá. O Canadá se mostrou surpreso e declarou ser um baque para o país. O México anunciou que vai retaliar.

Nessa mesma linha, a China ofereceu a compra de US$ 70 bilhões em produtos americanos (agrícolas principalmente) para os EUA abandonarem a cobrança de tarifas, que pretendem anunciar até o próximo dia 15 de junho. Anúncio seguido de restrições aos investimentos chineses nos EUA. Na Itália, mercados mais calmos com a declaração do novo primeiro ministro, Giuseppe Conte, de que em sua gestão o país não sairá da zona do euro. Acrescentou que fará a redução do nível de endividamento via crescimento econômico e não com austeridade.

MetaTrader 300×250

Nos EUA, o PMI composto de maio subiu para 54,9 pontos e o ISM de serviços em alta para 58,6 pontos de previsão de 57,6 pontos. Analistas disseram que esse indicador é compatível com crescimento acelerado do país. A OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) mostrou inflação para os países membros de 2,25% anualizada para maio cedendo levemente em relação ao mês anterior de 2,26%.

Na sequência dos mercados, o petróleo WTI negociado em NY mostrava alta de 1,10%, com o barril invertendo tendência ao longo do dia para US$ 65,46. O euro inverteu comportamento e passou a subir, transacionado em US$ 1,17. Ouro e prata mudando direção para altas na Comex e commodities agrícolas com comportamento misto na bolsa de Chicago.

No Brasil, o IBGE anunciou a produção industrial de abril em +0,8%, deixando o ano com alta de 4,5% e em 12 meses com +3,9%. Abril contra igual período do ano anterior registrou expansão de 8,9%. Destacamos que a produção de bens de capital no comparativo entre os meses de abril mostrou recuperação de 23,2%. Os efeitos da greve de caminhoneiros já deve estar explícito no segundo trimestre mostrando desaceleração. Registramos menor intensidade da demanda doméstica e estamos ainda 14,6% abaixo do pico de produção.

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, falou bastante sobre os problemas fiscais concentrados na esfera Federal e rigidez orçamentária, sem saber bem de onde sairão os recursos para cobrir a queda de arrecadação com o diesel. Disse que não há discussões sobre subvenção para a gasolina e que qualquer coisa que se faça tem que caber nas restrições orçamentárias. Disse que o problema previdenciário tem de ser enfrentado, e caso não, não há como fugir de ampliação da carga tributária.

O dia foi de estresse no mercado cambial local com o Bacen fazendo leilões adicionais de swap cambial e colocando mais de US$ 2,0 bilhões, com rolagem de somente US$ 440 milhões. O Financial Times diagnosticou que o Bacen pode ter que elevar juros se a pressão continuar. Os DIs terminaram o dia com comportamento de alta dos juros e o dólar ainda fechou em alta de 1,85% e cotado a
R$ 3,81. Na B3, na primeira sessão de junho, os investidores estrangeiros voltaram a sacar recursos no montante de R$ 912,4 milhões, deixando o saldo negativo do ano em R$ 4,92 bilhões.

No mercado acionário, dia de queda da bolsa de Londres de 0,70%, Paris com -0,22% e Frankfurt com alta de 0,13%. Madri e Milão tiveram quedas de respectivamente 0,53% e 1,18%. No mercado americano, os índices oscilaram entre positivo e negativo com o Dow Jones encerrando em -0,05% e Nasdaq com +0,41%. Na B3, dia de queda de 2,49% e índice voltando para 76.641 pontos depois de quatro altas sucessivas. Petrobras e Itaú foram destaques negativos, mas investidores estressaram com o comportamento do dólar.

Na agenda de amanhã, teremos a produção de veículos de maio e fluxo cambial da semana anterior. Nos EUA, a produtividade do trabalho no primeiro trimestre e o saldo comercial do mês de abril, além dos estoques de petróleo da semana anterior.

Boa noite.

Alvaro Bandeira
Sócio e Economista-Chefe modalmais
Fonte: https://www.modalmais.com.br/blog/falando-de-mercado


Assuntos desta notícia