Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

BUENOS AIRES, 30 Nov (Reuters) – A Marinha argentina disse
nesta quinta-feira que abandonou a tentativa de resgate dos 44
tripulantes do submarino desaparecido há 15 dias, embora vá
manter a busca pelo navio que teria sofrido uma explosão no
Atlântico Sul.
Apesar de o porta-voz da Marinha, Enrique Balbi, não ter
dito expressamente, o anúncio significa que as autoridades
consideram como mortos os marinheiros do submarino ARA San Juan.
"Foi ampliado para mais que o dobro o número de dias que
determinam as possibilidades de resgate da tripulação. Apesar da
magnitude dos esforços realizados, não foi possível localizar o
submarino", disse Balbi em entrevista coletiva.
(Reportagem de Nicolás Misculin)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS TR AC


Assuntos desta notícia