Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

14 Jun (Reuters) – O presidenciável do PSDB à Presidência,
Geraldo Alckmin, escolheu nesta quinta-feira o ex-governador de
Goiás Marconi Perillo para ser o coordenador político de sua
pré-campanha ao Palácio do Planalto, responsável pelas
tratativas visando alianças para a eleição de outubro.
"Ele vai participar das conversas políticas, seja com
lideranças de partidos ou na formação de alianças nos Estados",
disse Alckmin em entrevista a jornalistas em Brasília.
Na véspera, o tucano disse que a formação de alianças para a
eleição está encaminhada com quatro partidos e teceu elogios ao
DEM e ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia,
pré-candidato do partido ao Planalto.
Perillo, que é pré-candidato ao Senado por Goiás, disse que
dedicará metade de seu tempo à coordenação política da
pré-campanha de Alckmin.
"Como militante do PSDB há 25 anos, jamais deixaria de
colaborar. Combinamos que dedicarei metade do meu tempo às
missões que receber do Geraldo", afirmou.
"Ele é o protagonista, mas estou disposto a ajudar a avançar
no que for possível. Todo mundo que tem amor à camisa do PSDB
sabe que ele é o melhor candidato", disse Perillo.
Alckmin tem defendido uma união do chamado centro político
para a disputa presidencial. O secretário-geral do PSDB,
deputado Marcus Pestana (MG), patrocinou o lançamento de um
manifesto defendendo essa união.
O ex-governador de São Paulo é o nome deste campo melhor
colocado nas pesquisas de intenção de voto.
Também nesta quinta, o ministro da Ciência, Tecnologia,
Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, que é presidente
licenciado do PSD, disse que seu partido deve apoiar Alckmin ao
Planalto, apesar de o governo do presidente Michel Temer ter
lançado o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles como
pré-candidato à Presidência pelo MDB.

(Por Eduardo Simões, em São Paulo
Edição de Alexandre Caverni)
(([email protected]; 55 11 5644 7759; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation